Pedra, papel ou tesoura?

19 de nov. de 2012
Lembra? Que velha brincadeira, hoje tão sem-graça, aliás era tão legal brincar disso. Atualmente as coisas já perderam a graça, e o porque? As pessoas esquecem, elas desvalorizam e elas tentam inovar. Inovar?Para que se do jeito que estava bom, antes estava feliz, sorrindo apenas ao balançar das mãos. E o que te faz sorrir agora? Iphone, ou um vídeo-game do ano. Um carro! Usando pessoas, e amando coisas. Estamos esquecendo dos amigos, por que não deixar de ficar no computador e por que não sair, conversar e perder tempo? Afinal, você não está perdendo tempo, você está se divertindo. E porque fingir, fingir que está bem, que você sempre está feliz, para que fingir que está sempre sorrindo, você é assim? Perfeito? Aceite-se, perfeição não é tudo. Primeiro passo aceitar-se, sabe aquela frase: Carpe diem? Aproveite o dia. É isso mesmo, por que você não vai aproveitar o dia? Por que você não deixa as coisas que te fazem mal de lado? Por que remoer algo que te trás dor, te faz chorar? Não estou dando passos para ser feliz. A sua felicidade é você que constrói, mas pensa ai, vale a pena esnobar, invejar, sofrer? Viva tua simplicidade, diga adeus para sua mascara você não precisa fingir, não precisa.
 
home / sobre / leituras / blogroll / contato

a vida dentro © 2012 – 2020