26 de nov de 2018

Memórias n.04 — Sobre os dias de gratidão

Não, não é fácil acordar todos os dias e reafirmar que tudo é possível, que só depende de você, no caso, de mim. Tem dias que é muito difícil sair da cama, de fazer comida ou fazer algo que exija muito esforço além de apenas um play em um seriado do netflix. A vida tem dessa coisas e aprendi apreciar esse momentos, porque é justamente quando a vida (ou seu corpo) pede para você parar um pouco, esfriar e, simplesmente, pasmem, fazer nada. 


Ainda tenho um problema muito grande nesses momentos, porque acho que devo produzir a todo momento. Acabo sempre enfrentando uma pequena crise de fazer tudo e ao mesmo tempo nada, tem sido fácil, tem sido difícil. A minha sorte é que tenho amigos e pais que me compreendem, que  dão uns tapas na cara e também massagem nos ombros.
Fazer nada, também é fazer alguma coisa. É dar-se ao tempo de apreciar a cama, a sua casa, a preguiça e principalmente você. 
. . .

Nos dias de não preguiça, fiz o primeiro trabalho do cumoculis © construindo uma identidade visual sustentável e linda para a loja de macramê de uma amiga, o Nós unidos. E eu fiquei muito louco até o finalzinho do dia 24, porque estava organizando a segunda edição do Interativa, esse dia foi tão corrido que fiquei até sem comer, mas sabe quando vale a pena todo os esforço (são tantos comentários incríveis que já chorei 7 vezes de sábado até hoje). Fotica da metade do povo:


. . .

Me bateu uma saudade dos meus pais e dos meus irmãos, então sábado de manhã meu pai além de brigar um tico pelo sumiço da casa, me falou coisas que aqueceu o coração de muito longe, me fez perceber o quão bom é ser grato e plantar coisas boas no mundo. Isso é o sentindo de inefável para mim, amor. 


Um final de semana cheio, com amigos e família, cheio de reflexão. Observando valores, traçando metas.

. . .

Leituras

Estou lendo bem calmamente O Temor do Sábio porque é uma leitura que eu não quero que acabe nunca.

Séries & filmes

Terminei de assistir Chilling adventures of Sabrina, The Dragon Prince e alguns episódios de Orange is the new black (essa é uma série que assisto quando estou de saco cheio de outras séries, é quase a minha cura de ressaca assistir cada história daquelas mulheres). Então eu assisti alguns filmes com meus primos, como 5 to 7, que é um filme sobre relacionamento aberto e amores (tenho que escrever sobre isso), Toy Story 3, Hereditary, Nappily Ever After (que filme mais fofo sobre aceitação). Fui ao cinema assistir Nasce uma estrela e fiz um comentário que acho válido. Fora isso seguimos tentando atualizar a conta do TV Time.

músicas & podcasts

Tem tanta música que eu não consigo indicar, tem álbum novo do Mumford, música nova do Broods. Vamos seguindo, se quiser saber o que estou ouvindo, estou no spotify criando playlist pra academia.

Período de 16/11 à 26/11. 

2 comentários