Gosto literário, autores parceiros e outras coisas

14 de mar. de 2013
Visando conversas passadas, postagens em blogs e muitas críticas  Decidi vir falar sobre gosto de literário e um pouco também sobre parcerias com autores nacionais.


Desde já acredito que cada um tem seu próprio gosto literário e que ele seja único. Particularmente, eu me adéquo a todos os livros sempre visando que a leitura possa me trazer em retorno algo bom, esse é o motivo de não ler muitas resenhas ou críticas e também de não ler sinopse de um determinado exemplar.  A questão é que as pessoas julgam, julgam até de mais. Julgam até antes de ler o livro (seja por causa da capa, por causa da sinopse ou por alguém ou um amigo não gostou do livro). E foi isso que aconteceu comigo dias atrás uma pessoa chegou falando que o livro não era bom, eu não disse nada porque não li o livro ainda. A pessoa fez "poréns" do porque o livro é ruim, mas ela mesmo não leu o livro. Por fim da discussão: ela me disse que não tenho gosto literário. 

Como assim não tenho gosto literário? Gostar de livros que ela (a pessoa) não gosta, é um gosto literário e quem define se é bom ou ruim é você, no meu caso eu. E é ai, que entra as parcerias com autores nacionais. Alguns blogueiros julgam essa parceria como um "sistema de trocas": um exemplar do livro por bons elogios. E isso pesou novamente para mim, pois todos os livros de parceria, eu li e realmente gostei. Mas falaram que é um senso crítico falso. Espera! Não entendi. Nem eu. 

Sendo livro de parceria ou não eu vou ser sincero, falando se o livro é bom ou não. Mas deve se lembrar que "só porque não gostei do livro os outros não vão gostar" ou "só porque amei o livro os outros vão amar" entende? Um exemplo disso é: Cinquenta Tons de Cinza, que vários leitores odiaram o livro, mas teve uma grande porcentagem de pessoas que adoraram, não só o primeiro livro mas os três. 

Entra aí o senso crítico, você tem que mostrar os pontos negativos quanto positivos, uma espécie de equilíbrio. Outra vez isso é tocante para os Autores parceiros de blogs, a maioria não quer levar críticas. Como se um autor não levar críticas ele crescerá ou tornará sua escrita melhor e aperfeiçoada? 

Aposto sempre em livros nacionais, pois existe sim escritas nacionais que são muito boas, mas tem melhores. Uma coisa é certa, não tem como eu julgar um livro de um autor nacional em pioneirismo com um do exterior que já esta no ramo faz tempos. 

Agora podem me jogar pedras ou pétalas. Meu modo de pensar é assim, até que alguém com um razão lógica me prove o contrário assim como o gosto literário é uno, o modo de pensar é pessoal. Pense aí. 
 
home / sobre / leituras / blogroll / contato

a vida dentro © 2012 – 2020